Cruzeiro não perde há dois anos para o Atlético-PR; na Arena da Baixada busca a terceira vitória seguida

Cruzeiro não perde há dois anos para o Atlético-PR; na Arena da Baixada busca a terceira vitória seguida

novembro 10, 2018 0

Pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro vai até Curitiba enfrentar o Atlético-PR, às 19h deste sábado. E o time mineiro tem bom retrospecto recente contra o rival: não perde há dois anos e busca a terceira vitória consecutiva contra o Furacão atuando na Arena da Baixada.

A última vez que a Raposa perdeu para a equipe paranaense foi em setembro de 2016, pelo segundo turno do Brasileiro. O gol do jogo foi marcado pelo zagueiro Manoel, hoje atleta celeste. Naquele edição da competição, inclusive, o Cruzeiro perdeu os dois duelos para o Atlético-PR. No turno levou 3 a 0 no Mineirão, gols de Pablo (que vai atuar no ataque do Furacão neste sábado) e dois de André Lima, hoje no Vitória.

Em 2017, as equipes se enfrentaram pela 13ª e 32ª rodada do nacional. E o Cruzeiro venceu ambos: 2 a 0 na Arena da Baixada (gols de Rafael Marques e Lucas Romero) e 1 a 0 no Mineirão (tento de Arrascaeta).

Na atual temporada, foram três jogos até aqui: dois pelas oitavas de final da Copa do Brasil e um pelo Campeonato Brasileiro. No torneio mata-mata, a Raposa venceu por 2 a 1 fora de casa (gols de Henrique e Raniel, com Thiago Carleto descontando) e empatou em 1 a 1 em Minas Gerais (tentos de Arrascaeta e Bergson). Na competição e pontos corridos, 2 a 1 (gols de Barcos e Arrascaeta, com Guilherme descontando) como mandante pela 14ª rodada.

Neste Brasileiro, a Raposa atuando fora de casa tem a sétima melhor campanha, com 15 pontos: três vitórias, seis empates e sete derrotas, com nove gols marcados e 17 sofridos. O Furacão como mandante soma 37 pontos e tem o quarto melhor rendimento: 12 triunfos, uma igualdade e três reveses, com 39 tentos anotados e 12 levados. Na competição, a equipe paranaense venceu os últimos 10 jogos atuando em seu estádio.

Prováveis escalações

Atlético-PR: Santos; Jonathan, Thiago Heleno, Léo Pereira e Renan Lodi; Bruno Guimarães e Wellington; Raphael Veiga, Marcelo Cirino e Nikão; Pablo. Técnico: Tiago Nunes

Cruzeiro: Fábio; Edilson, Manoel, Léo e Egídio; Henrique e Ariel Cabral; Robinho, Thiago Neves e Arrascaeta; Raniel. Técnico: Mano Menezes

Atualmente, o clube mineiro ocupa a oitava posição com 46 pontos e o paranaenses estão em nono com 43. Se vencer, a Raposa pode subir uma posição ao final da rodada (contando com um empate ou uma derrota do Santos diante da Chapecoense). Se perder, a equipe troca de lugar com o Furacão.